sexta-feira, 25 de novembro de 2011

ENTREVISTA NA RADIO LOCAL

 

INAUGURAÇÃO CREAS


DIA 21 DE SETEMBRO DE 2011, INAUGUROU O CREAS-
CENTRO DE REFERENCIA ESPECIALIZADO
DA ASSISTENCIA SOCIAL.
ONDE SOU ORIENTADORA JURÍDICA

1º FORUM DOS DIREITOS DA MULHER






 
O I Fórum Municipal do Direito da Mulher realizado no dia 22 de novembro de 2011, no Lions Clube é uma iniciativa do Centro de Referência Especializado da Assistência Social apoiado pela Secretaria de Assistência Social, e colaboração da FACER. Com o tema: Mulher fique de olho, teve Como objetivo o de conscientizar e mobilizar a população sobre os direitos da mulher na construção de uma sociedade  mais justa e igualitária.

terça-feira, 12 de julho de 2011

RESTAURAÇÃO SÃO FRANCISCO

O CRAS na pessoa da gestora de inclusão produtiva,EDILAINE CARVALHO,presenteou a coordenação e a comunidade com a restauração da imagem de São Francisco que fora doada pelo Padre Quincas e que com o tempo se desgastou.







ARVORE DE NATAL DE GARRAFA PET

ARVORE DE NATAL




CRAS E PROJETO CONVIVER

Mais um ano o Cras na pessoa de sua Gestora Edilaine Carvalho, cria e produz junto aos participantes do projeto conviver, suas fantasias para o bloco social.

 





























CRAS X VIDA NOVA





















Almoço Dia das Mães 

A Diretoria da Associação Rubiatabense de Recuperação de Dependentes Químicos – Vida Nova em parceria com o Centro de Referencia de Assistência Social de Rubiataba (CRAS), organizaram no dia 08 de Maio de 2011, nas dependências da Instituição AFAR, um Almoço do Dia Das Mães.
Teve por objetivo promover um dia de confraternização de toda família em homenagens a Mãe. Alem de chamar o cidadão Rubiatabense para a responsabilidade social e arrecadar dinheiro para ajudar na manutenção da Comunidade Terapêutica.
A associação é uma entidade sem fins lucrativo, representada por várias entidades e sociedade civil, e tem como metas promover a prevenção, a intervenção, a recuperação físico-mental e a reintegração do dependente de drogas licitas e/ou ilícitas ao seu conviveu familiar e social.
Com a participação em média 100 famílias, o evento foi um grande Sucesso, atingindo o resultado esperado. 


TRABALHO DE TERAPIA OCUPACIONAL , VALORIZAÇÃO PESSOAL E SOCIABILIZAÇÃO,COM A MELHORA DA QUALIDADE DE VIDA E CONDICIONAMENTO FUNCIONAL DA 3º IDADE.


TRABALHO DE TERAPIA OCUPACIONAL , VALORIZAÇÃO PESSOAL E SOCIABILIZAÇÃO,COM A MELHORA DA QUALIDADE DE VIDA E CONDICIONAMENTO FUNCIONAL DA 3º IDADE.

Terceira idade exige cuidado multidisciplinar

A Terapia Ocupacional objetivando a melhoria da qualidade de vida dos indivíduos na terceira idade através da atividade de condicionamento funcional. O crescimento da população na terceira idade em franco desenvolvimento recebendo técnicas terapêuticas envolvendo condicionamentos funcionais que promovem benefícios biopsicossociais a essa população, gerando qualidade de vida;com isso evitando tambem a depressão e a neurose da terceira idade. Fato esse que causa a maioria dos males da terceira idade.

A depressão é a principal doença mental da terceira idade.Este seja um dos mais importantes sintomas psicológicos que atinge as pessoas na idade adulta, não só por sua grande freqüência, mas também por suas importantes conseqüências sobre todo o organismo. É uma situação que pode se confundir com uma série de doenças, sendo em geral muito mal orientada em nosso meio.

Caracteriza-se principalmente por um estado de humor deprimido, melancólico. Na idade adulta o estresse é uma das principais causas da depressão. A solidão, a inatividade, as perdas de entes queridos estão entre as principais causas de depressão na Terceira Idade.

Mas a depressão pode também se manifestar através de agitação ou agressividade. A insônia é um importante sintoma de depressão. O estado depressivo freqüentemente é acompanhado de ansiedade e de tensão muscular, podendo ocorrer dores musculares que se situam em geral nas costas ou na nuca. Freqüentemente ocorrem dores de cabeça. O deprimido pode ter tremores nas mãos, palpitações e sudorese, o que pode confundir-se com outras situações médicas.
Em nossa unidade do CRAS-RUBIATABA trabalhamos todos esses itens utilizando o artesanato , foi montada a oficina do papel onde as vós ,assim tratadas carinhosamente, se encontram uma vez por semana para trabalharem com o jornal na produção de peças de decoração, enquanto se trabalha a coordenação motora no feitio dos canudos, é feito uma terapia em grupo, onde cada uma expõe seus problemas, duvidas dores, sentimentos diarios e ali entre amigas e a supervisão da profissional, sem que essa interfira diretamente, são amenizadas seus problemos com conselhos ,carinho e companheirismo fazendo com que seus ditos males se tornem mais leves.
Já é possível verificar a melhora em algumas das participantes, quanto a  sociabilização ,e dores.
O trabalho em relação ao produto de artesanato surge vagarosamente, de acordo as deficiencias das participantes.
Mas acompanhe os nosso progressos

Palavras chaves: Terapia Ocupacional, qualidade de vida, condicionamento funcional.





































PROJOVEM-OFICINA ARTISTICO CULTURAL


OFICINA ARTISTICO CULTURAL 


Dirigida aos assistidos do projovem dentro da gestão de inclusão produtiva
Visa promover a integração social com um melhor posicionamento como individuo tanto no âmbito familiar, social e profissional .
Possibilitando ao adolescente acesso a variadas culturas,formas diversificadas de expressão por meio de técnicas artísticas e culturais.
Viabilizando um rico processo de auto descoberta.
Trabalho iniciado tendo como matéria prima a madeira e desenho
Utilizando tambem livros e filmes

















PROJOVEM

PROJOVEM-OFICINA ARTISTICO CULTURAL

Trabalho realizado por meio de desenho da representação dos sentimentos e desejos.

A arte é um dos caminhos para a sensibilização e o aumento da auto-estima. Muitos alunos modificam muito seu jeito de agir passando a se sentirem mais confiantes à medida que se vêem capazes de criar e dominar uma técnica de desenho ou de pintura e isto possibilita também uma nova perspectiva de vida para quem via a arte de uma forma tão distante e, muitos nem sequer conheciam uma exposição de arte, seja de desenho, pintura, escultura ou fotografia.
Sensibilizar o jovem para a arte é um processo necessário e eficaz no combate à violência e a marginalidade, pois direcionamos a energia do adolescente ou mesmo do adulto para uma atividade que além de ser prazerosa proporciona uma ampliação da concentração, da atenção, ajuda a relaxar e diminuir o nível do estresse diário.
O conceito do belo, a harmonia e a busca pelo equilíbrio que realizamos na atividade artística ajudam a desenvolver a emoção como a capacidade de imaginar, questionar e criticar também.
O processo de criação inicia-se paralelamente a um processo de aprendizado e desenvolvimento de técnicas, habilidades e percepção da imagem, da luz e sombra e da proporção e harmonia do conjunto desenhado. A partir do momento que se desenvolve a percepção e aprofunda-se um conhecimento do material e dos recursos utilizados na atividade artística o aluno também começa a se sentir mais seguro para criar e imaginar soluções diferentes, possibilitando a execução de trabalhos cada vez mais criativos e com melhor qualidade

Despertar o aspecto crítico dos educandos também é uma forma de torná-los mais conscientes dos seus direitos e deveres, de seu papel na sociedade e, possibilita o exercício da cidadania de uma forma mais plena e segura.
É necessário buscar a ampliação destes espaços onde a arte pode fluir sem limites e o jovem pode desenvolver seu potencial, direcionando o aprendizado nas áreas de pintura, música, dança e todas as manifestações artísticas que possibilitam o seu crescimento e satisfação interior. 

"A arte é uma das portas abertas para o saber, que precisa ser valorizada e incentivada como uma alternativa eficiente e prazerosa para o desenvolvimento do cidadão e sua inserção na cadeia produtiva do nosso país."



























OFICINA DE RETALHOS COMO TERAPIA OCUPACIONAL

OFICINA DE RETALHOS

TERAPIA OCUPACIONAL 

Sempre o ser humano precisa se manter ocupado, seja por ter se aposentado e parado de trabalhar ou por algum problema de doença que o impeça de exercer sua profissão.
Os especialistas em Terapia Ocupacional sempre estão procurando descobrir novas formas de manter acupadas as pessoas para que não fiquem se sentindo inúteis e com isso os problemas de saúde só se agravam.
Muitos desenvolvem atividades de trabalhos artesanais individuais ou em grupo para que se sintam úteis por mais simples que seja o trabalho desenvolvido.
Utilizando de atividades diversas para restaurar a capacidade dos indivíduos em realizar também atividades, os terapeutas ocupacionais têem como especificidade de seu trabalho a atividade (ou ocupação) humana. Os terapeutas ocupacionais, ou TOs como denominados por uns, enxergam o homem como um ser ocupacional, um ator no mundo mudando e sendo mudado por ele, alguém que se realiza por aquilo que constrói.
Este tipo de terapia usa o artesanato para trabalhar a emoção. Essas atividades manuais exercitam a criatividade, aliviam a tensão e os problemas.
As oficinas terapêuticas e as cooperativas sociais, enquanto dispositivos da atual Política Nacional de Saúde Mental, objetivam se diferenciar das práticas antecessoras, práticas decorrentes da idéia de estabelecer o trabalho como um recurso terapêutico, conhecido como ‘tratamento moral’. A experiência do trabalho das oficinas e/ou cooperativas torna-se positiva quando uma de suas funções é também o de intervir no campo da cidadania. Assim, atuando no âmbito social, contribui como possibilidade de transformação da realidade atual no que diz respeito ao tratamento psiquiátrico.
Podemos dizer que as oficinas terapêuticas (O Ministério da Saúde define e apresenta os objetivos das oficinas terapêuticas como: (...) atividades grupais de socialização, expressão e inserção social através da Portaria 189 de 19/11/1991) e as cooperativas sociais (Lei No 9.867 10/11/1999 dispõe sobre a criação e o funcionamento de Cooperativas Sociais, visando à integração social dos cidadãos e constituídas com a finalidade de inserir as pessoas em desvantagem no mercado de trabalho econômico por meio do trabalho. 
Capacitando o individuo ao trabalho, e resultando na independencia financeira.
Trabalho realizado por meio de artesanato em retalhos, onde os participantes aprendem a transformar oque anteriormente era visto como lixo em peças rendaveis,e como terapia tranformando o participante em um individuo melhor.






































CRASX ARTESÃO

O CRAS  apresentou sua "1º FEIRA DO ARTESÃO" , como forma de inclusão social, alguns dos artesãos que presentes são alunos das oficinas , e otros ja produziam suas peças mas sem a chance de apresentar seus dotes e produtos para a população ,com essa iniciativa estamos proporcionando meios para que muitas pessoas possam  gerar sua propria renda e da família.
A gestoras responsáveis pelo projeto é a Professora Edilaine Caetano  que além de ensinar novas técnicas no CRAS, participa ativamente de todo o processo do projeto inclusive apoiando os artesões participantes estando presente na feira, ainda assessorando o aperfeiçoamento das técnicas empregadas por cada artesão





ARTESANATO PARA DEFICIENTE

O artesanato tem alcançado resultados importantes junto ao deficiente, pois as atividades , além de desenvolver o tato, sentido amplamente utilizado pelo deficiente visual,em questão, é um excelente instrumento de elevação da autoestima e socialização e inclusão produtiva,onde os assistidos são incentivados a produzir suas peças e a comercializa-lo,gerando assim renda.
O Sr. Geraldo é um exemplo de determinação,ele procurou o CRAS em busca de aprender algo que pudesse ser feito por ele mesmo com a deficiencia visual existente, foi orientado pela gestora de inclusão produtiva e professora EDILAINE CARVALHO a manifatura de flores de papael crepon.




OFICINA DO PAPEL

CURSO DE GESSO

CURSO DE SABONETE

Trabalhos realizados no 1º semestre de 2011 CRAS-Rubiataba

FEIRA DO ARTESÃO PARTE I

FEIRA DO ARTESÃO PARTE II

CRAS X CORREGO DA SERRINHA

AÇÃO CRAS X PROJETO CORREGO DO SERRINHA

CAMINHADA PRÓ VIDA

JANTAR DO PROJOVEM

Aula de Argila

AULA DE ARGILA NO PROJETO CORREGO DO SERRINHA




Logos de Campanhas institucionais



Curso de Reciclagem

CURSO DE RECICLAGEM-2011

Começo dia 25/01/2011 o curso de reciclagem.